I made this widget at MyFlashFetish.com.

segunda-feira, 16 de novembro de 2009

Você é um devedor compulsivo?


Fernanda de Lima


      Todos nós passamos por apertos financeiros em algum momento de nossas vidas. O problema é quando este tipo de situação deixa de ser temporária, é preciso refletir se o que você está enfrentando é uma crise financeira mais longa do que o tradicional, ou se efetivamente você se transformou em um devedor compulsivo.

      Se você não tem certeza se é um devedor compulsivo basta responder às perguntas abaixo.



Verifique seu perfil

      Fundado nos EUA em 1967, o grupo dos Devedores Anônimos (DA) elaborou uma lista de perguntas para avaliar se uma pessoa é ou não um devedor compulsivo. Presente no Brasil desde 1997, o grupo tem como objetivo ensinar as pessoas a lidar com dinheiro, prestando serviço em São Paulo, Paraná e Rio de Janeiro. Confira abaixo o questionário do DA :
  • Suas dívidas fazem com que sua vida caseira seja infeliz?
  • Você acaba distraído de suas atividades diárias devido às suas dívidas?
  • Suas dívidas estão afetando sua reputação?
  • Você tem baixa auto-estima por causa das dívidas?
  • Alguma vez você deu informações falsas para obter crédito?
  • Alguma vez você fez promessas que sabia não iria cumprir para seus credores?
  • A pressão de estar endividado faz com que você seja negligente com relação ao bem estar da sua família?
  • Você tem medo que seu empregador, família ou amigos saibam do grau do seu endividamento?
  • Diante de uma dificuldade financeira a possibilidade de levantar financiamento lhe traz um sentimento de alívio?
  • Você tem dificuldades para dormir devido às dívidas?
  • Você já pensou em se embebedar para se esquecer das dívidas?
  • Você já pediu dinheiro emprestado sem levar em consideração os juros cobrados?
  • Em geral você espera uma resposta negativa quando faz um pedido de financiamento?
  • Alguma vez você desenvolveu um plano de quitação de dívidas, mas o abandonou no primeiro sinal de dificuldade?
  • Você justifica suas dívidas pensando que é melhor que os outros e pode sair desta situação assim que a situação melhorar um pouco?
      Como foi sua pontuação? Se respondeu a menos do que oito perguntas "sim", mas compromete mais do que 45% do seu orçamento mensal com o pagamento de prestações, então você pode não ser compulsivo, mas, sem dúvida, precisa rever urgentemente seus hábitos financeiros.
      Porém, se respondeu mais do que oito perguntas "sim" sua situação é preocupante, mas não necessariamente significa que você seja compulsivo. No mínimo indica que precisa urgentemente rever seus hábitos de gestão de dinheiro.
      Pontuações acima de 11 são preocupantes e sugerem que você precisa buscar ajuda. O reconhecimento de que tem um problema pode ser o primeiro passo para a saída do vermelho. Mas é preciso cuidado, como toda compulsão você pode ter uma recaída.



Não existe uma solução fácil
      Não se iluda com as soluções fáceis, pois em geral elas só servem para piorar ainda mais a sua situação. Trocar várias dívidas por uma única junto com financeira a juros exorbitantes não é a saída, assim como renegociar já sabendo que não terá como arcar com os novos termos também.

      Em casos de compulsão é preciso enfrentar a situação de frente, por mais difícil que seja o caminho, ele certamente será recompensado com o aumento da sua auto-estima, sem falar é claro, no tão sonhado equilíbrio financeiro. Para quem acredita seja necessário busca apoio, é possível acessar o site dos Devedores Anônimos para maiores informações.


Nenhum comentário:

Postar um comentário